Bolsonaro diz não responder pelos atos de Guedes após fala sobre domésticas


Nesta quinta-feira(13), após a sinalização de que o texto não seria enviado, o presidente Jair Bolsonaro afirmou que  irá enviar na próxima semana a proposta da reforma administrativa ao congresso. Boslonaro ainda disse que não responde pelos atos do ministro Paulo Guede.

Na saída do Palácio da Alvorada, Bolsonaro afirmou ainda que o texto que muda a carreira pública não trará mudanças nos direitos atuais dos servidores, como a estabilidade.

“Está muito tranquila a reforma. Não será mexido nos direitos atuais dos servidores, inclusive a questão da estabilidade. Quem é servidor continua com a estabilidade sem problema nenhum”, disse Bolsonaro. “As mudanças propostas ao Congresso valeriam para os futuros servidores”, acrescentou.

 







Fonte: Noticias ao minuto

Nenhum comentário

Aviso: Os comentários serão moderados...

Tecnologia do Blogger.