Compartilhar ai vai!

⁠Ex secretários de Veneziano terão que devolver RS 3,3 milhões


Com relatoria do conselheiro substituto Oscar Mamede, a 2ª Câmara do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba reprovou a prestação de contas, exercício 2012, da Secretaria de Desenvolvimento Econômico da Prefeitura Municipal de Campina Grande, e impôs, na mesma decisão, débito solidariamente de R$ 3,3 milhões aos ex-gestores Gilson Andrade Lira, Júlio César Cabral e Rennan Trajano Farias, todos também multados em R$ 4 mil.

Uma multa de R$ 4 mil foi aplicada ao prefeito do município, Romero Rodrigues, pelo não cumprimento da Resolução RC2 TC 39/17, que determinou remessa, à Corte, de documentos do processo 10928/13. Ainda cabem recursos.



Paraíba Online

Nenhum comentário

Aviso: Os comentários serão moderados...

Tecnologia do Blogger.