Compartilhar ai vai!

Criança Esperança: Menores usam drogas em pleno banco do Calçadão em Campina Grande .



Criaram o tal do Estatuto do Menor e Adolescente visando favorecer ações criminosas (infrações) de menores, falo isso com autoridade, pois fui menino de rua quando criança. Na época em Campina Grande tinha fiscais de menor, que perseguia os menores de rua e levava para as suas casas ou para o "Lar do Garoto", que ficava em Bodocongó.

Nesse tempo a droga usada pelos menores de rua era cola de sapateiro, hoje vai do cigarro comum, cachaça (bebida alcoólica), maconha, pedra de crack e até cocaína. Esse mal não privilegio da Paraíba, é do nosso Brasil. Em todas cidades tem menino de rua e meninos nas ruas, politica para acabar é estaca zero.

Na época que eu vivia nas ruas pedindo esmolas, menino de rua era esmolador (Pedinte), hoje a maioria são maus elementos. No meu tempo de esmolação não tinha essa facilidade de acesso as drogas, pois os menores tinham medo da policia e dos fiscais de menor, hoje o policial tem é mendo dos menores infratores (Bandidinhos), pois se dê um cascudo nessa galera, respondem processo na Justiça, pois o tal do Conselho Tutelar e a aquela gente dos Direitos Humanos caim em cima do policial, se brincar, ele vai preso por agredir um "inocente", que sabe usar droga e roubar e cometer outros tipos de crime (infrações) contra a população pois o ECA os defendem.

Menores são flagrados usando drogas em plena via pública em Campina Grande, isto é, no ponto mais movimentado da cidade, o famoso 'Calçadão'. Eles ficam sentados no banco da praça bem a vontade e não se ver um PM ou guarda municipal para intervir.

Lembrando que o Conselho Tutelar proibiu no mês passado de forma midiática umas criança e adolescentes de se apresentar no Calçadão com show ao ar livre. Eles estavam "trabalhando" com 'cultura de rua' visando ganhar o dinheiro da feira ajudando os pais. O Conselho Tutelar interviram, alegrando que o ato é trabalho infanto/juvenil.

É assim que funciona no Brasil, se proíbe criança de trabalhar com cultura nas ruas, mas ninguém do poder proíbe o uso de drogas na Praça Praça.

A maioria dos menores que hoje usam drogas e comente infrações, amanhã serão presidiários, os que escaparem dessa 'predestinação social', pode dizer que é fruto de um milagre mental, usou cabeça pra sair dessa vida, porque, se forem esperar pelos pais que vivem também nas drogas ou desempregados dependendo do Bolsa Família, se forem esperar de políticos, Conselho Tutelar, Ministério Público em via nacional, e por pais incompetentes (a maioria), serão futuros bandidos.

S.O.S, governos e Conselho Tutelar, existe!




Blog do Gari Martins da Cachoeira 

Nenhum comentário

Aviso: Os comentários serão moderados...

Tecnologia do Blogger.