Grato por sua visita!

PF faz ação contra esquema de propina nos transportes do RJ


A Polícia Federal deflagrou operação nesta segunda-feira (3) para cumprir oito mandados de prisão como parte de investigação sobre um esquema de corrupção envolvendo empresas de ônibus do Estado do Rio de Janeiro, que teriam pago pelo menos R$ 260 milhões em propina a autoridades estaduais.

Foram expedidos nove mandados de prisão pela Justiça, sendo que um deles foi cumprido na noite de domingo, quando a PF prendeu o empresário Jacob Barata Filho no aeroporto internacional do Galeão quando ele esperava para embarcar em um voo para Portugal. Ele é filho do empresário Jacob Barata, considerado o mais importante do ramo de transportes rodoviários do Rio de Janeiro e com negócios em vários segmentos. Jacob Barata é conhecido também como o "Rei do Ônibus".

Segundo o advogado de Barata Filho, ele faria uma viagem de rotina àquele país, onde tem negócios "há décadas e para onde faz viagens mensais". A defesa do empresário informou ainda que irá se pronunciar assim que tiver acesso aos autos do processo.

As investigações da operação deflagrada nesta segunda-feira, um desdobramento da Lava Jato no Rio, rastrearam pagamento de propina no valor de ao menos R$ 260 milhões pelos investigados a políticos do Estado.




Terra

Nenhum comentário

Aviso: Os comentários serão moderados...

Tecnologia do Blogger.