Compartilhar ai vai!

Gato pingado: Mesmo com Ricardo Coutinho e com estrelas da esquerda, ato pró-Diretas fracassa em JP



A “Frente Parlamentar pelas Já” acumulou mais um fiasco, no dia de ontem (21), desta vez na Capital paraibana. O evento que segundo os organizadores iria reunir mais de 10 mil pessoas terminou por aglutinar pouco mais de 500 manifestantes.

O ato aconteceu no Ponto dos Cem Reis e contou com as presenças do governador Ricardo Coutinho (PSB), a presidente nacional do PT, senadora Gleisi Hoffmann; o líder do PT no Senado, Lindbergh Farias; o senador João Capiberibe (PSB), o senador Roberto Requião (PMDB), a senadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra (PT), o deputado federal Luiz Couto (PT) e outros de menor expressão.

Mesmo com fracasso de publico a senadora presidente do PT afirmou que é uma semente que esta lançada. “É muito significativo a Paraíba começar esse movimento. Estamos lançando a semente para o Brasil e vai ir num crescente. Nós vamos ter atos como esse se espalhando no Brasil inteiro”, afirmou a senadora e presidenta do PT.

O governador da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB), também participou e manifestou sua solidariedade ao ex-presidente Lula e lembrou que eleição se derrota o outro na urna, não na Justiça. Para Coutinho, é necessário construir agora uma grande unidade popular para se combater o golpe. Mesmo com presença e o prestigio do governador não houve a participação de sua militância em número suficiente e segundo um dos mais aproximados assessores de Ricardo a ficha corrida de alguns participantes diminui a representatividade do evento.

De acordo com os organizadores, caravanas de várias cidades da Paraíba vieram à Capital para participar do ato público. Ônibus das cidades de Bayeux, Santa Rita, Conde, Cruz do Espírito Santo, Soledade, Campina Grande, Cuitegi, dentre outras chegaram a João Pessoa.

Durante o comício, a bancada federal paraibana chegou a ser citada, particularmente os nomes dos parlamentares que votaram favor da reforma trabalhista. A cada nome, o público se expressava através de vaias. Foram citados os deputados Aguinaldo Ribeiro (PP), André Amaral (PMDB), Benjamin Maranhão (SD), Efraim Filho (DEM), Hugo Motta (PMDB), Pedro Cunha Lima (PSDB), Rômulo Gouveia (PSD) e Wilson Filho (PTB). Cássio Cunha Lima (PSDB), Raimundo Lira (PMDB) e Zé Maranhão (PMSB) também não foram esquecidos.




Fontw: Página1PB.

Nenhum comentário

Aviso: Os comentários serão moderados...

Tecnologia do Blogger.