Coração artificial impresso em 3D bate como se fosse o órgão real


Cientistas do Instituto Federal de Tecnologia de Zurique, na Suíça, divulgaram na sexta-feira (14), um vídeo mostrando os primeiros testes com seu novo coração artificial.

O modelo foi produzido em silicone com uma impressora 3D, incluindo válvulas, artérias, ventrículos e até um músculo artificial que faz o bombeamento de sangue. Além disso, ele tem o mesmo tamanho de um coração orgânico e pesa apenas 390 gramas.

No vídeo divulgado pelo instituto, é possível vê-lo batendo como se fosse um coração de verdade, bombeando um fluido com a mesma densidade e viscosidade do sangue humano. O teste foi montado para que os cientistas pudessem avaliar a durabilidade do silicone no coração artificial.

O músculo interno é inflado por ar pressurizado, o que faz o movimento de contração e descontração do batimento cardíaco. Por enquanto, porém, o coração de silicone só consegue realizar 3.000 batidas antes de começar a desmontar, o que, numa pessoa normal, equivale a 45 minutos de vida.

De acordo com o Gizmodo, porém, o objetivo do teste foi alcançado com sucesso: provar que o sistema construído por uma impressora 3D funciona em um nível fundamental, ainda que não esteja pronto para ser usado em pessoas de verdade. A expectativa é de que essa tecnologia possa ser aproveitada por pacientes à espera de um transplante de coração.






(Com Informações do Click PB do Olhar Digital)

Nenhum comentário

Aviso: Os comentários serão moderados...

Tecnologia do Blogger.