Campina Grande, a menina que virou mulher

Autor: Martins da Cachoeira



Minha Campina já foi menina,
Mas como o elástico se expande.
De Vila Nova da Rainha,
Cresceu e mudou de nome,
Só falta virá capital da Paraíba,
Promove o grande Turismo,
A minha Campina Grande.

Nasci nesta terra querida,
Na favela da Cachoeira,
Hoje vivo no Glória,
Tranquilidade de primeira.
Amo minha Paraíba,
Mas tenho Campina Grande
Como eterna companheira.

Campina é uma cidade nordestina
Que parece uma capital,
Que em seu cartão portal,
Os tropeiros, peixe e jacaré,
É a terra de Ronaldo Cunha Lima,
Que teve amor por Campina,
A menina que virou mulher...





Autor: Martins da Cachoeira

Nenhum comentário

Aviso: Os comentários serão moderados...

Tecnologia do Blogger.