Ministério da Integração Nacional diz que canal da transposição será reparado esta semana


O Ministério da Integração Nacional afirmou, por meio de nota enviada ao Portal Correio na tarde desta segunda-feira (12), que o arrombamento no trecho da transposição do São Francisco em Pernambuco deve ser selecionado nesta semana, assim como o retorno do bombeamento das águas para a Paraíba. Comente no fim da matéria.

O problema com a transposição aconteceu na tarde desse sábado (10), em Sertânia, Pernambuco, quando parte da parede da obra estourou e deixou uma cratera no local, interrompendo o fluxo da transposição.

De acordo com a nota, uma análise técnica será realizada para determinar as causas para o arrombamento na transposição. Além disso, é determinado que o local seja totalmente reparado em até 72 horas. Confira abaixo a nota na íntegra.

Nota – Ministério da Integração Nacional

Sobre o vazamento registrado na manhã do último sábado (10) em um trecho do canal do Eixo Leste do Projeto São Francisco, o Ministério da Integração Nacional vem a público esclarecer que:

  • 1. O vazamento, que ocorreu próximo ao reservatório Copiti, em Custódia (PE), já foi totalmente controlado.
  • 2. Equipes das empresas responsáveis trabalham no local desde sábado (10) para realizar o reparo na drenagem interna da estrutura, o que deve ser concluído em 72h. Com isso, fluxo de água no canal será restabelecido ainda nesta semana;
  • 3. Não houve nenhuma vítima e nenhuma casa da região foi atingida, já que a água seguiu por um riacho até chegar ao rio Moxotó. Foram registrados apenas danos de pequenas proporções em cercas, estradas vicinais e bueiros. Ainda no sábado (10), as equipes dos programas ambientais do Projeto São Francisco foram mobilizadas para levantar as avarias e programar a recuperação;
  • 4. Nesta fase de pré-operação quaisquer problemas são rapidamente solucionados. Equipes do Ministério da Integração Nacional estão em prontidão para agir rapidamente quando necessário.
  • 5. Será realizada uma análise técnica para averiguar o motivo do vazamento.







Portal Correio





Nenhum comentário

Aviso: Os comentários serão moderados...

Tecnologia do Blogger.