Primo de Aécio que teria recebido dinheiro da JBS é preso em MG

Frederico Pacheco de Medeiros foi detido em casa, no condomínio Morro do Chapéu, em Nova Lima, na Região Metropolitana de Belo Horizonte


Foi preso na manhã desta quinta-feira (18) o primo do senador Aécio Neves que teria recebido o dinheiro do frigorífico JBS em nome de Aécio. Frederico Pacheco de Medeiros foi diretor da Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig). A prisão foi confirmada pelo advogado dele, que não vai ainda se pronunciar.

Frederico foi detido em casa, no condomínio Morro do Chapéu, em Nova Lima, na Região Metropolitana de Belo Horizonte.

Frederico Pacheco de Medeiros, primo de aécio. Foto: Ricardo José Charbel/Cemig


Fonte: Folhape




Nenhum comentário

Aviso: Os comentários serão moderados...

Tecnologia do Blogger.