Jornalismo "lixo"na Capital defendendo indiretamente Rodolpho, acusado de atropelar e matar Diogo em JP, e "malucos" dizem que a vitima morreu porque quis?



Faz vergonha saber que um "cuspidores de microfone", da Rádio Correio FM, da Capital paraibana, defende indiretamente o suposto "atropelador assassino", Rodolpho Carlos, que é acusado de furar uma blitz da lei seca, de atropelar e matar o agente de transito, Diogo Nascimento, em João Pessoa, que foi 'apreendido', pois parece que rico não vai preso por crime de transito no Brasil.

O radialista disse, na época que houve o atropelamento seguido de morte, foi atacado em sua rede social pela irmão de Diogo, por fazer comentários na Rádio e TV Correio, 'vibrou' com a prisão da irmã de Diogo realizada na manhã de hoje, afirmou que ela ficava clamando por justiça, para que o Rodolpho fosse preso e hoje foi presa também, como se estivesse errada em pedir a prisão de quem atropelou e mantou seu irmão, e foi presa porque não era justa, sendo acusada de comprar gabarito e supostamente fazer parte da "Máfia do Gabarito" na grande João Pessoa.

O nobre radialista (que todos sabem quem é),  disse ainda que a prisão da jovem vai diminuir a pressão popular em busca de justiça pela morte de Diogo, só porque a irmã foi presa, acusada de fazer parte e passar em um concurso "fraudulento" em Bayeux, ligando a imagem dela ao Diogo, supondo indiretamente que o mesmo poderia se tornar suspeita de ter sido aprovado no concurso do Dentrab-PB, de forma fraudulenta, assim como sua irmã está sendo acusada, que mais uma vez cito, foi presa acusada de fazer parte da "Máfia do Gabarito", que componentes dessa máfia, foram presos no inicio desta semana na "Operação Gabarito", acusados de promover fraudes concursos público e o ENEM no Nordeste.

O que 'molesta dos cachorro' tem a ver uma irmã como o irmão? Meu saudoso irmão foi preso por pratica de estelionato, passou anos na prisão, saiu como usuário de drogas, aprendeu mais ainda a pratica do crime na prisão, pois passou a ser assaltante, depois se recuperou do mundo do crime porque foi contaminado por HIV. Isso quer dizer que eu sou bandido, ou que passei no concurso pra gari, com documentos falsos movido de ato de estelionato? Que coisa de louco!

Como ouvinte do Programa, vejo que deveria ter vergonha na cara ao fazer esse debate ao vivo em uma emissora de radio que atingem quando todo estado, deveria fazer um jornalismo de respeito e não "jornalismo lixo", que tem que ser reciclagem pelo radiouvinte, pois desta forma, demonstra a falta de respeito com a memoria do morto, do sentimentos dos parentes e amigos, em especial, dos pais e esposa de Diogo que ainda clamam por justiça, já que o Rodolpho recebeu de presente" do TJ-PB o habeas copus para responder em liberdade! Apenas a jornalista que compõem a mesa do Programa Correio Debate mostrou ética jornalistica.

Só falta mandar Diogo ressuscitar, ou reencarnar em outro corpo para ele ser preso no lugar de Rodolpho.

Morreu porque quis: Defensores de Rodolpho Carlos, dizem que Diogo Nascimento foi o culpado pela sua própria morte

"O Agente de Transito, Diogo Nascimento, morreu atropelado porque ficou na frente do carro de Rodolpho Carlos, ele foi o culpado pela sua morte" é o que alega defensores do atropelador assassino, que é acusado de furar uma blitz da lei seca, atropelar e matar um servidor público no exercício da função na Capital paraibana.

Nas redes sociais, essa gente maluca culpa a vitima que morreu, em vez de culpar o acusado, que atropelou e matou o rapaz, como aforma a Policia Civil e o mesmo atropelador assassino, depois da pressão popular, foi preso, mas ontem recebeu a liberdade devido a um hábeas copus, cedido pelo Tribunal de Justiça da Paraíba.

A defesa usada pelos defensores de Rodolpho, é que um vídeo que mostra o Diogo ficou ficando na frente do carro do Rodolpho que atropelou e matou o mesmo.

Sou agnóstico, mas nessa hora tenho que gritar:"Meu Deus, como pode existir gente dessa qualidade!" O cara estava trabalhando, o outro não parou em um blitz da lei seca, Diogo ainda tentou fazer ele pará, e o mesmo jogou o carro por cima, quando poderia pará, e se tivesse irregular, o carro de luxo seria apreendido e ele pagava uma multa em vez de matar o rapaz e ainda tem gente para culpar a vitima!

Ora, se naquele momento tivesse uma blitz da Policia Militar, Civil, ou Rodoviária Federal, e se o cara não parasse na abordagem, os policiais sairia em perseguição e abriria fogo contra o veículo, pois quem não deve não teme, ou melhor, quem não deve para em uma blitz, coisa que testemunhas e a PC diz que ele furou a blitz e matou o rapaz.

Se o Diogo  tivesse poder de policia, se tivesse o direito de posse de armas, teria todo o direito de alveja o veiculo na bala se o motorista não parasse. A Sorte de Rodolpho era que ali tinha uma blitz da leis seca feita por agente de transito, se fosse por policiais ele teria se dado mal, é o que a mídia nacional, mostra casos de motorista e motoqueiros furam batida policial e leva bala, sempre as emissoras de TV mostram nos telejornais..



Blog do Gari Martins da Cachoeira 






Nenhum comentário

Aviso: Os comentários serão moderados...

Tecnologia do Blogger.