Compartilhar ai vai!

Gari, a água Sanitária das Ruas, o homem invisível


Hoje é o "Dia da Água Sanitária das Ruas", do agente de limpeza que promove a beleza do espaço natural. Hoje é o meu dia, Dia do Gari.

Meus parabéns vai para todos os garis Campina Grande, da Paraíba, ou melhor, aos garis do Brasil, pelo "Dia do Gari". Essa categoria precisa ser vista pela sociedade e representantes de o Poder Público, com outros olhos. Deveriam ser tratados da mesma forma que ele tratam a cidade, zelando, respeitando e mantendo a cidade limpa.

Aproveito e reproduzo o documentário que foi realizado como Trabalho de Conclusão de Curso (TCC), que retrata o o véu do cotidiano dos agentes de limpeza pública, como acontecem preconceitos e humilhação social quando pessoas se colocam em outra posição social, ignoram ou não enxergam esses profissionais.

Homens vestidos de garis tornam-se invisíveis diante dessas pessoas que se cegam ou tapam os olhos à realidade de homens subalternos aos quais tem o falar e o agir comunicativo limitado na sociedade. Mas será que os garis se percebem visíveis em Feira de Santana?

[Uma produção de: Cezar Augusto, Helton Simões e Otávio Nunes - em Abril de 2011]

Nenhum comentário

Aviso: Os comentários serão moderados...

Tecnologia do Blogger.