Estado da Paraíba deverá repassar 51% do controle acionário da PB Gás



O BNDES passa a coordenar alguns estudos e procedimentos para que os governos estaduais repassem as participações que possuem em empresas estaduais de distribuição de gás natural.

No grupo pioneiro dessa movimentação se encontra a PB Gás, empresa na qual o Governo da Paraíba tem 51% de seu capital social – a Gaspetro (associação da Petrobras com a empresa japonesa Mitsui possui 24,5%) e a Mitsui separadamente tem outros 24,5%.

Essa ação no setor de gás tem por finalidade oxigenar os caixas estaduais e também ampliar o alcance do produto, considerado uma fonte barata e pouco poluente de energia.

Atualmente, apenas 440 das 5.570 cidades brasileiras são servidas, em alguma proporção, por gás natural.

O produto só chega a 3 milhões das 68 milhões de residências existentes no País.

Enquanto em outros países desenvolvidos o gás natural representa 25% da matriz energética, no Brasil só chega a 10%, conforme o jornal O Globo.

Resta saber se a Gaspetro e a Mitsui terão prioridade para a compra dessas empresas estaduais de gás.
Ex-candidata a prefeita de João Pessoa pelo PSB, Cida Ramos externou ontem o seu aval ao nome do secretário de Infraestrutura do Estado, João Azevedo, para concorrer ao governo estadual em 2018.
“Ele conhece esse governo por dentro. É um dos nomes que eu gostaria muito que estivesse na disputa em 2018”, sublinhou a socialista.


Paraíba Online 

Nenhum comentário

Aviso: Os comentários serão moderados...

Tecnologia do Blogger.