Criança morre após ser baleada quando olhava passagem do boi de Carnaval em Campina Grande

Criança é assassinada durante tiroteio em Campina; um adolescente e um pedreiro saíram feridos 



Confusão, tiroteio, uma criança morta com um disparo na cabeça, um adolescente e um adulto feridos. Este foi o saldo da passagem de um boi de carnaval pela Rua São Pedro, na Vila Cabral de Santa Rosa, em Campina Grande, por volta das 18h00 deste domingo (05/03).

Moradores que não quiseram se identificar informaram que foram muitos tiros.

O boi de carnaval é do Bairro Pedregal
As pessoas que foram atingidas pelos disparos também são do Pedregal.

Mateus Santos da Silva, de 04 anos, que morava na Avenida Assembleia de DEUS, não resistiu ao ferimento da “bala perdida” e acabou morrendo por volta das 23h00 no Hospital de Trauma.

Alisson Barbosa dos Santos, um pedreiro de 32 anos, foi atingido com um disparo no pé, mas já está em casa.

O adolescente, de 16, sofreu tiro nas costas e continua internado.

De acordo com o tio da vítima fatal, “Mateus aproveitou uma distração da mãe e saiu acompanhando o boi pelas ruas do Pedregal até Santa Rosa”.

O tenente Paulo Wanderley, em contato com a reportagem da Patrulha da Cidade/TV Borborema informou que testemunhas disseram “que tudo aconteceu por causa de torcidas organizadas que teriam se infiltrado entre os participantes resultando no tiroteio”.
O crime deve vai ser investigado pela delegada Ellen Maria e equipe.

Criança é baleada enquanto assiste televisão

No mesmo fim de semana, uma criança de 11 anos morreu e outras três pessoas ficaram feridas em um tiroteio, dentro de uma casa em um assentamento rural na cidade de Imaculada, no Sertão paraibano. De acordo com a Polícia Militar, as vítimas estavam assistindo televisão quando homens chegaram à porta e atiraram várias vezes para dentro da residência.




Fontes: Blog do Renato Diniz e G1-PB


Nenhum comentário

Aviso: Os comentários serão moderados...

Tecnologia do Blogger.